sábado, 2 de fevereiro de 2013

Eduardo na articulação por Delgado


Diante do resultado de ontem na eleição no Senado Federal, que elegeu presidente o líder do PMDB, Renan Calheiros, com 56 dos 78 votos, o governador Eduardo Campos decidiu entrar de cabeça na disputa pela presidência da Câmara para inviabilizar a candidatura do peemedebista Henrique Eduardo Alves. Agora, o governador compra a briga para emplacar o deputado Júlio Delgado e, assim, tentar quebrar a “força” da aliança entre o PT e o PMDB, que resultou no acordo político de revezar o posto em ambas as casas. Ontem, em entrevista exclusiva, por telefone, o cacique socialista, um dos nomes cotados para a Presidência da República em 2014, contou que já sabia da dificuldade na eleição do Senado em relação à tese que o PSB tanto defendeu sobre a renovação.


Eduardo na articulação por Delgado

Nenhum comentário:

Postar um comentário